MONITORAMENTO DA QUALIDADE MICROBIOLÓGICA DA ÁGUA DE PONTO TURÍSTICO EM PARNAÍBA, PIAUÍ

Herlice do Nascimento Veras, Iara Alda de Fontes Góis, Rayssa Kawasaki Braga Freitas, Sabrynna Brito Oliveira, Jefferson Soares de Oliveira, Hemílio Fernandes Campos Coêlho, Gustavo Portela Ferreira, Anna Carolina Toledo da Cunha Pereira

Resumo


Neste estudo foi realizado o monitoramento da qualidade microbiológica da água da Lagoa do Portinho, localizada em Parnaíba, no estado do Piauí, Brasil, no período de Janeiro de 2012 a Janeiro de 2013. As amostras foram analisadas quanto ao parâmetro de coliformes termotolerantes utilizando a técnica de tubos múltiplos. Durante o período do estudo, foram coletadas 52 amostras, sendo que, de acordo com as análises, a Lagoa apresentou índices satisfatórios para balneabilidade neste período, sendo enquadrado no índice de qualidade “Muito Bom” - CONAMA Nº 274, de 29 de novembro de 2000. Mas em alguns pontos de coleta os índices de qualidade da água se apresentaram comprometidos para outros usos como na agricultura. Não foi observada diferença significativa na contagem de coliformes termotolerantes entre os períodos chuvoso e seco, fato atribuído à baixa ocorrência de chuvas. Os índices próprios para balneabilidade podem ser um reflexo da baixa densidade populacional da região e, ainda, da diminuição do turismo devido à estiagem do período.

 

MONITORING OF MICROBIOLOGICAL QUALITY OF WATER IN TOURIST SITE IN PARNAÍBA, PIAUÍ, BRAZIL

ABSTRACT

In this study, monitoring of the water quality in Portinho Lake located in Parnaíba, Piauí state, Brazil, was performed between January 2012 and January 2013. Samples were analyzed by thermotolerant coliforms parameter using the Most Probable Number Method. During the study period, 52 samples were collected, and, according to the analyzes, the lagoon presents satisfactory rates for bathing in this period, being framed in the quality score “Very Good” – CONAMA 274 of November 29 2000. However, in some collecting points, the water quality indices presented themselves as inadequate to other uses such as agriculture. There is no significant difference in thermotolerant coliforms counts between the rainy and dry period, which was attributed to low rainfall. Indices suitable for bathing may be a reflection of the low population density of the region and, also, the decrease in tourism due to the drought period.

 


Palavras-chave


Lagoa do Portinho; água; coliformes termotolerantes; turismo.

Texto completo:

PDF


   

 

 

 

Licença Creative Commons
SaBios-Revista de Saúde e Biologia está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.