MORTALIDADE POR NEOPLASIA EM UM MUNICÍPIO DE PEQUENO PORTE NO PARANÁ

Ana Paula de Oliveira Pizzoli, Luciana Macedo Conci, Mariana Felgueira Pavanelli, Denise Davanço Pelegrini, Denise Manjurma da Silva

Resumo


Nos últimos anos houve um aumento considerável na incidência e mortalidade por câncer. Sabe-se que a etiologia do câncer é multifatorial, e que os processos de globalização e industrialização ocorridos principalmente no século passado, levaram a uma crescente integração das economias e das sociedades dos vários países, propiciando a mudança de padrões de vida; tais como: uniformização das condições de trabalho, nutrição e consumo. A associação desses fatores levou a um aumento nos casos de câncer em todo o mundo. Dessa forma, este trabalho teve como objetivo traçar o perfil epidemiológico e de mortalidade de pessoas com diagnóstico de câncer, identificando os fatores de riscos relacionados. Realizou-se um estudo quantitativo descritivo exploratório por meio da análise de prontuários médicos dos indivíduos com câncer que foram atendidos no Sistema Único de Saúde do Município de Juranda – PR. As variáveis analisadas incluíram: idade, sexo, profissão, tratamento e taxa de mortalidade dos pacientes. Constatou-se que houve maior ocorrência de óbitos entre os homens, que a faixa etária de maior mortalidade foi acima dos sessenta anos, e que a neoplasia mais comum na população foi do aparelho digestivo principalmente estômago e esôfago. Sendo assim, medidas devem ser implementadas para mudança dessa realidade tais como mudanças nos hábitos dos indivíduos, programas de prevenção e diagnóstico precoce realizada pelo Serviço de Saúde.

NEOPLASM MORTALITY IN A MUNICIPALITY LITTLE PORTE IN PARANÁ

In recent years there has been a considerable increase in the incidence and mortality from cancer. It is known that cancer etiology is multifactorial, and that the processes of globalization and industrialization especially in the past century led to a growing integration of economies and societies of various countries, providing the change of living standards; such as standardization of working conditions, nutrition and consumption. The combination of these factors led to an increase in cases of cancer in the world. Thus, this study aimed to trace the epidemiological and mortality of people diagnosed with cancer profile, identifying the related risk factors. We conducted a descriptive exploratory quantitative study through analysis of medical records of individuals with cancer who were treated at the Health System of the City of Juranda - PR. The variables analyzed included age, sex, profession, treatment and mortality rate of patients. It was found that there was a higher incidence of deaths among men, the age of increased mortality was over sixty years, and the most common cancer in the population of the digestive tract especially the stomach and esophagus. Therefore, measures should be implemented to change this reality such as changes in the habits of individuals, prevention programs and early diagnosis made by the Health Service.

 


Palavras-chave


câncer; epidemiologia; mortalidade.

Texto completo:

PDF


   

 

 

 

Licença Creative Commons
SaBios-Revista de Saúde e Biologia está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.