ANÁLISE DA RELAÇÃO DO ÍNDICE DE MASSA CORPORAL VERSUS CAPACIDADES MOTORAS EM ALUNOS DO PROJETO CRIANÇA FELIZ DE PONTA GROSSA

Diego Polese, Alberto Inácio Da Silva

Resumo


O objetivo deste estudo foi verificar a relação que existe entre o estado nutricional e aptidão a algumas tarefas motoras em alunos participantes do Projeto Criança Feliz (PCF), projeto social oferecido pela empresa W3 Indústria Metalúrgica Ltda., Ponta Grossa - PR. Para tanto, a amostra foi constituída de 133 alunos, com idade entre 7 e 16 anos, de ambos os sexos. Para a determinação do estado nutricional foi usado como parâmetro o Índice de Massa Corporal (IMC), classificando os alunos segundo a tabela normativa do CDC (2000). Para a avaliação da aptidão física, foram feito testes visando cinco capacidades motoras diferentes: VO2máx. (teste de corrida/caminhada de 9/12min), força/resistência muscular (teste de flexão abdominal), flexibilidade (teste de sentar e alcançar no banco de Wells), velocidade (teste de corrida de 50m) e potência (teste de impulsão horizontal “parado”). Todas as capacidades motoras analisadas foram afetadas pelo estado nutricional das crianças e adolescentes do PCF. Constatou-se que os alunos com IMC acima do normal apresentaram desempenho inferior ao esperado para sua idade nos testes motores (80%), fato este que não ocorreu com o teste de flexibilidade. Os alunos que estão abaixo de seu peso ideal apresentaram índices abaixo do esperado nos testes relacionados à aptidão física (61%). Com relação aos alunos que encontram-se dentro da normalidade de seu IMC foi constatado a proficiência em quase todos os testes motores, sendo, apenas, considerado alto o número de alunos abaixo do esperado no teste de velocidade (meninos 47,9% e meninas 56%).

ANALYSIS OF THE RELATIONSHIP BETWEEN BODY MASS INDEX AND MOTOR SKILLS IN STUDENTS FROM  “CRIANÇA FELIZ” PROJECT IN PONTA GROSSA

The aim of this study was to assess the relationship between nutritional status and suitability for specific motor tasks in students participating in the “Criança feliz” Project (CFP), a social project developed by Metallurgical Industry W3 in Ponta Grossa – Paraná State. For this, the sample consisted of 133 students, aged between 7 and 16 years of both genders. The body mass index (BMI) was used as a parameter to determine the nutritional status, classified as CDC normative students table (2000). As for assessing the physical fitness, tests were aimed at five different motor skills: VO2max (test run / walk 9/12min), muscular strength / endurance (abdominal flexion test), flexibility (sit-and-reach test in the bank by Wells), speed (50m run test) and power ("stopped" horizontal jump test). By analyzing the data, we can conclude that all motor skills analyzed here were affected by the nutritional status of children and adolescents of the CFP. Students with a BMI above normal showed lower than expected performance for their age in motor tests (80%), different from what occurred with the flexibility test. Students who are below their ideal weight presented rates below expected in fitness-related tests (61%). With regard to students who are within the normal BMI, their proficiency was found in almost every motor tests, and the only negative parameter considered high was the number of students with poor performance in the speed test (boys 47.9% and girls 56%).


Palavras-chave


índice de massa corporal; capacidades motoras; estado nutricional.

Texto completo:

PDF

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os comentários


   

 

 

 

Licença Creative Commons
SaBios-Revista de Saúde e Biologia está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.